3 passos para a gestão do seu provedor: trabalhando com indicadores